09 dezembro 2006

Para que serve, afinal, a RTP-Açores

Saiu hoje a notícia uma que diz que o Governo Regional dos Açores recusou a proposta do Governo central para reestrturar a RTP-Açores.

Nada mais natural, o melhor para o Governo Regional é deixar as coisas como estão na RTP-Açores, é um excelente instrumento na sua luta política.

No mesma notícia, dá-se relevo às declarações do Director da RTP-Açores, mostrando o seu contentamento pela “oferta” (palavra usada pelo próprio) que o Governo Regional deu. Trata-se de equipamento técnico, necessário diga-se, pois permite que as reportagens realizadas nas ilhas de S. Maria, Pico, S. Jorge, Graciosa, Flores e Corvo, não tenham de vir de avião para S. Miguel para serem transmitidas. Não posso, no entanto, deixar de pensar que as duas ‘estórias’ têm uma relação de causa/efeito.

2 comentários:

joseaugustosoares disse...

E aqui, no Continente, bem esperamos pela inclusão da RTP Açores no pacote da TV Cabo...
Anunciaram que se iniciaria a transmissão em Maio deste ano...mas foi só promessa...

Rui Gamboa disse...

Caro José Augusto,

Naõ perde muito por não ver a RTP-Açores.

A 'nossa' TV pode servir apenas como case-study de instrumentalização de um meio de comunicação público por parte do governo.