30 julho 2009

FÉRIAS


Ó macio Tejo ancestral e mudo, Pequena verdade onde o céu se reflecte!

Outra vez te revejo - Lisboa e Tejo e tudo -.

6 comentários:

Luís Almeida disse...

Caro José,

Como invejo a vista privilegiada que tens sobre o Tejo. Boas férias!

Pedro Lopes disse...

Carissímo José,

aproveita esta época de descanso e descontracção. Certamente rumarás a norte...

E não voltes sem matares todas as saudades.....inclusive a visita obrigatória à tua Luz ;)

Um abraço e boas férias.

Voto Branco disse...

BIba Sr. José,
Espero que as férias estejam a ser bem aproveitadas...
Bela vista, hein.... mas sempre prefiro a vista da placa da A1 a dizer: PORTO! ahahahahah, não podia deixar de alfinetar o meu bom amigo Zé...
Estou quase de partida para o Algarve... a partir do dia 10 estarei por lá.... por isso se tiveres oportunidade passa por lá!
A todos os restantes bloggers um grande abraço e daqui a nada estarei de volta aos meus comentários!
Saudações.

José Gonçalves disse...

Grande Voto !
Passaria com todo o gosto não se levantassem outros valores que me impediram, este ano, de passar, como habitualmente, por Lagos. Rumarei a Norte, o verdadeiro, buscando o merecido contacto com familiares e amigos e regresso às vistas cá de casa por razões de investgação académica que me obrigam a ficar pela bela e sempre inolvidável Lisboa.
Aproveitarei, obviamente, para me distrair com uns joguinhos do Glorioso, ficando o meu ilustre amigo desde já convidado para, sempre que quiser ver adeptos ruidosamente democraticos no apoio e no trato, vir ocupar o meu lugar cativo que está sempre à disposição dos amigos nos tempos que passo fora de LISBOA.

P.S: - Parece que este ano me vou hospedar durante 2 dias num hotel da tal cidade. Por questões de congruência, talvez procure um na margem sul (sempre fica mais próximo das caves do vinho...fino - Ah!Ah!)
P.S. 2 - Desculpem os restantes frequentadores deste blogue, mas a relação de intimidade com o até há uns tempos desconhecido Voto Branco era bem maior do que nós aqui no blogue (principalmente eu) pensavamos. Trata-se de um bom amigo, com o qual foram mantidas neste espaço saudáveis e profícuas discussões, independentemente do pseudónimo utilizado e do facto de não se saber quem era. Trata-se do bom que a blogosfera tem, contrariamente ao que pensa Francisco César.

Savrega disse...

"...adeptos ruidosamente democraticos no apoio e no trato..." só se for nas honduras. não são esses que matam pessoas com very ligths? e supostamente utilizam pedras para comunicar? essa foi para rir...

Savrega disse...

Macio andas tu a ficar, para um transmontano, andas muito poético.