25 outubro 2015

A propósito de pontapés na bola,

no único registo que farei para o resto da época, torno público que nunca contei ganhar o campeonato desta temporada, sobretudo por causa da pré-época que o presidente do clube decidiu inventar. Por isso, hoje, esquecendo o resultado e a eventual justiça do mesmo, tive a sorte de ver o jogo num canal estrangeiro, com comentadores que percebem o futebol e as respectivas regras. Foi delicioso ouvir os comentários sobre os critérios de interpretação das regras e respectivas sanções, ficando a tradução livre "Nunca vi um jogo em que o árbitro fosse tão incapaz de mostrar o cartão vermelho ou o segundo amarelo" ou os comentários sobre grandes penalidades (recomendam-se os minutos 7, 80 e 82, para gáudio). Na Luz, os dirigentes continuarão a não ver aquilo que os adeptos vêem sem lupa. Por isso, fica o registo, perante o que se tem passado desde o início da época: somos tenrinhos, muitos tenrinhos, principalmente fora do campo.

Sem comentários: