29 setembro 2007

Uma Boa Oportunidade Perdida...

...Para estar calado.


Certamente o Paulo Bento estava a comparar o lance do braço do Katsouranis de hoje, com o lance na Amadora, onde um penalty (inexistente) foi marcado a favor do Benfica. O que se passa é simples: no caso da Amadora o árbitro, porque não viu o lance e crendo naquilo que o fiscal-de-linha disse que viu, marcou o penalty, hoje o fiscal-de-linha também achou que viu alguma coisa, mas o árbitro teve a certeza que ele estava enganado e por isso não marcou nada. Não há nenhuma conspiração.

E, já agora, se tivesse que ter sido marcado algum penalty no jogo de hoje seria na falta do Moutinho sobre o Adu. Nos casos em que o Sporting reclama penalty, não se passou nada. Até acho que o Pedro Henriques fez uma boa exibição, ao contrário do Camacho, mas isso é outra conversa.

1 comentário:

pedro lopes disse...

Caro Rui, Pedro Henriques, é um árbitro condicionado. Ele não assinala uma grande penalidade desde um jogo benfica-sporting (há mais de ano e meio), em que marcou um penalti, que provocou grande polémica. (a favor do Sporting)

Logo não devia ter sido chamado a apitar este jogo.

Estou de acordo quanto ao ajuízamento do árbitro em não assinalar penalti por braço de Katusranis. O problema está no facto de eles (árbitro e auxiliares) terem um auricular que lhes permite comunicar entre si. Pois, se ele parou o jogo, atendendo ao apelo de penalti, feito pelo auxiliar, éd e estarnhar que depois não o tenha assinalado!!?!
Pois se Pedro H. viu o lance, e entendeu não ser pacivél de garnde penalidade, então não teria parado o jogo, pois é dele a última decisão.

Hã, e no rescaldo do jogo, ficam duas penalidades por marcar, uma para cada lado.