09 março 2009

Depois de Casa Arrombada...

...trancas na porta. Pois parece ter sido esta a receita adoptada pelo Banco de Portugal.

Senão vejamos; depois dos casos BPN e BPP, e da Comissão de Inquérito Parlamentar, parece que o BP começa agora a despertar para as suas reais funções/ obrigações; fiscalizar e regular a actividade bancária em Portugal.

N.B.- seria bom que o Ministro das Finanças concedesse, rapidamente, deferimento a este pedido do Governador do BP.

3 comentários:

Rui Rebelo Gamboa disse...

O deferimento é só de corte no salário, eu já pensava que era pedido de demissão...in my dreams.

Legoman disse...

Lembram-se do parque de campismo da Costa da caparica quando foi ameaçado pelas vagas do mar há algum tempo atrás? Lembram-se da resposta à situação?

http://www.correiodamanha.pt/noticia.aspx?contentid=A0E61314-1819-472A-824E-4D8F4484E5BE&channelid=00000010-0000-0000-0000-000000000010

As políticas seguidas neste país lembram-me esse episódio.

Cumps

pedro lopes disse...

Rui, já que Constâncio não abandona o lugra, ao menos que lhe cortem o salário para um terço do valor actual. Se não tiverem coregem, pelo menos retirem-lhe metade desse escandaloso vencimento.!

"homem-lego", já vi que 17 milhões de euros em areia prás praias da Costa, foram por "água-abaixo". Mas parece que ainda há mais uns milhões para mais umas toneladas de areia....prá praia!?!? Por momentos pensei que a noticia desse conta da construção de mais umas praias e palmeiras de areia no DUBAI.?! Mas não, é mesmo em Portugal.!? (deve ser da falta de estudos técnicos...)