09 novembro 2008

Fundação Humberto Delgado na Internet

O sítio na internet da Fundação Humberto Delgado é um mundo de documentos digitalizados (oficiais e privados) à espera de ser descoberto.

Praticamente toda a fantástica vida deste homem está ali representada. desde os tempos em que foi aluno do Colégio Militar, passando pelas actividades de aviação militar, como oficial do Estado Maior do Exército, actividades relacionadas com a aviação cívil (TAP), as actividades como diplomata em Washington e na NATO e, claro, a eleição de '58, o exílio e a sua morte.

Para os açorianos, terá grande interesse a sua actividade secreta nestas ilhas para determinar as condições técnicas, que acabaram por ser fundamentais para o estabelecimento dos ingleses em 1943.

O sítio socorre-se de vários documentos que estão localizados em locais tão diversos como a Torre do Tombo, com os arquivos Oliveira Salazar, PIDE-DGS e do próprio Delgado, mas também o Archivo General de la Administracion, Archives du Ministère des Affaires Étrangères, Archivo del Ministerio de Assuntos Exteriores ou The National Archives.

O documento em ligação, faz parte do tema Eleições de '58 e está nos arquivos da PIDE. Trata-se de uma carta de António Borges Coutinho, representante em São Miguel da candidatura de Delgado, a António Sérgio.

A dar, pelo menos, uma vista de olhos!

3 comentários:

Fiat Lux disse...

Boa sugestão.
E na playlist também.
Conheço e gosto de Mazzy Star, que descobri há pouco tempo.
Os temas dos Cranes também me abriram o apetite.
(Tenho "vergonha" de dizer que mal conheço The Jesus an Mary Chain mas agora também fiquei com vontade de investir mais na banda)
Bom fim-de-semana.

pedro lopes disse...

Rui, não consigo aceder ao documento em "ligação"; dá-me erro na aplicação.

Localizei o docmento, com o número de processo 1546/57 sr, mas não consigo aceder a ele.

Talvez tenha de instalar algum programa para abrir o ficheiro???

Rui Gamboa disse...

É verdade que o documento em ligação não se consegue ver assim. É preciso fazer a pesquisa e encontrar o documento que é mesmo esse de que falas. Segundo me parece não é preciso nenhum programa, nem mesmo o Adobe Reades, que tens de certeza.