24 março 2009

Prémio Madre Teresa de Calcutá

Como, premonitoriamente, referi num comentário abaixo, o Sistema conseguiu que o Sporting e os jornaleiros, paineleiros e comentadeiros discutam há três dias uma decisão isolada num jogo em que disputava um troféu sem qualquer importância, do tipo solteiros e casados. Pelo meio, até o inefável Laurentino veio botar a sua sentença: "houve um erro de arbitragem". Assim, corajoso como sempre, os poderes do Estado foram imediatamente reassumidos. Quanto ao vendaval que percorreu o futebol português nos últimos 25 anos e que culmiram na condenação de um clube e do seu presidente por tentativa de corrupção, assobia-se para o lado, "porque o Estado não se deve meter no futebol, que se deve regular a si próprio". por isso, estou expectante sobre o que o inefável cavalheiro irá dizer, se é que dirá, sobre o que a seguir publico, sem se referir ao problema principal. Presumo que voltará a delegar competências.
Eis a notícia (publicada no Record, porque o Jogo, até às 18:30 do Continente, ainda não descobriu):

A salvo de qualquer sanção da UEFA
REFORMULADOS CRITÉRIOS DE ADMISSÃO ÀS PROVAS EUROPEIAS
O FC Porto ficará a salvo de qualquer sanção por parte da UEFA depois de terem sido reformulados esta terça-feira os critérios de admissão às competições europeias pelo Comité Executivo, reunido em Copenhaga.
Fonte da UEFA confirmou à Lusa que os novos critérios de admissão definem que um clube será suspenso por um ano das provas caso tenha estado envolvido, directa ou indirectamente, na manipulação ou viciação de um jogo, desde que os factos tenham ocorrido após 27 de abril de 2007, altura da reformulação dos estatutos do organismo.
Como os dois casos de tentativa de corrupção - pelos quais o FC Porto foi condenado pela justiça desportiva portuguesa - ocorreram em 2004*, os tetracampeões nacionais* ficarão a salvo de qualquer castigo da UEFA no que respeita às condenações no âmbito do "Apito Final".
Data: Terça-Feira, 24 Março de 2009 - 14:14
Repare-se que o jornalito (sabemos quem é o dono) já fala, a oito jornadas do fim do campeonato, em tetracampeões.
Repare-se que o inefável Laurentino, sobre a condenação, nicles, bitaites.
Aguardo tranquilamente as oito restantes jornadas do campeonato. Está bem, SISTEMA?
*Bold meu

10 comentários:

Voto Branco disse...

Sr. José,
Volto a repetir, o senhor é um verdadeiro gladiador! Admiro-o por isso, pois não baixa as armas e, como os destemidos soldados portugueses na 1.ª Grande Guerra, de baioneta na mão, avança sobre o território inimigo!
Aos poucos o senhor está diminuindo o período da corrupção azul e branca. Há poucos dias falou em 30 anos... agora fala em 25... já estamos ficando um pouquinho mais de acordo.
Teima em dizer que o clube foi condenado por tentativa de corrupção, colocando a dita justiça desportiva acima de qualquer lei civil (aliás, foi um processo disciplinar, certo?). Também é daqueles que considera que o futebol está acima de qualquer coisa? Já para não falar que tal processo desportivo é enfermo de legalidade, pois tal partiu de escutas obtidas no âmbito de uma investigação criminal, que nunca deveriam ter sido extraídas de tal processo.
Agora coloco-lhe a seguinte questão: e se o tal senhor, que o senhor diz ser corrupto, for absolvido neste último processo crime? Já sei que irá alegar que o tal senhor e o clube não recorreram da condenação e como tal assumiram que eram corruptos. Mas, pergunto eu: para quê recorrer de algo que está ainda a correr nos tribunais civis?
Por acaso acha que tudo vai continuar na mesma? Eu cá por mim acho que a LPFP terá que vender a sede no "Puerto" para pagar as indemnizações! Mas aí ficarei "rindo" da figura de algumas pessoas, as quais com certeza ficarão empedernidas.

Rui Rebelo Gamboa disse...

E eu que pensava que os 'critérios de Copenhaga' tinham que ver com outros assuntos...

Toupeira disse...

O senho Voto Branco já parece o Cassete Carvalhas. Só vê o que quer. Onde é que o senhor Gonçalves falou em 3o anos. Falou sempre nos últimos 25, carago!

Voto Branco disse...

Foi? Se vc diz eu acredito... as minhas desculpas ao Sr. José Gonçalves
Então pergunto eu: Quer dizer que o Pinto da Costa esteve 7 anos sem ser corrupto? Ahhhhhhhhh, eu que pensava que aprendia rápido, mas afinal foi de racicionio lento.
Saudações

P.S.: Sr. José Gonçalves, já viu, já arranjou uma Toupeira como aliada!

Voto Branco disse...

Eu não consigo dizer os éues... o meu clube é o ouetano.
Anda me sabe soletrar o nome da deputada?

Voto Branco disse...

ops, não era aqui que eu queria "postar"... risos! Peço desculpa...

Toupeira disse...

_a_anda. Quá, quá!!!

CAVP disse...

que não percebo em vós, portistas, é que não se importam com o conteúdo das escutas...importam-se é que sejam ilegais...

e assim andamos nós...

Voto Branco disse...

Caro CAVP,
Com certeza não leu correctamente o meu post, pois eu não disse em momento algum que as escutas eram ilegais. Pois os tribunais superiores já se pronunciaram quanto à validade das mesmas, e quem somos nós para contestar?
O que eu digo é que essas escutas não deveriam ter sido extraídas para o processo disciplinar, enquanto não houvesse sentença final transitada em julgado.
Assim, digo eu, andam os paladinos da verdade a atropelar o direito civil, fazendo pré-julgamentos e a valorar demasiado decisões de "instâncias" que carecem de credibilidade.
Saudações

Rui Rebelo Gamboa disse...

Agora é que percebi essa dos éues,do ouetano e da _a_anda.

Sou lento, que fazer?

Mas que tá bom, tá :)))