25 maio 2011

Facilitando são todos "bons"

O teste intermédio de Físico-Químicas do 9º ano de escolaridade é o exemplo perfeito do processo de perversão a que se está a assistir no sistema de ensino português. Um modelo de avaliação que anula a hierarquização, promovendo o igualitarismo entre alunos bons, excelentes, medíocres, maus e mesmo os que nem são alunos. Provavelmente todos terão nota máxima.




As respostas neste teste em particular têm dois tipos de cotação: umas valem 4 pontos, outras 6. Vamos deixar um exemplo de cada uma.






Pergunta de cotação 6.










4 comentários:

Anónimo disse...

são mesmo uns populistas do caraças. diz lá quanto vale a esta resposta! qual a cotação?

acusam de facilitismo mas não referem que cotação é atribuida à questão. é a primeira questão de um caderno, sempre a mais fácil. qual é a questão?

vã publicar o meu comentário ou o reino do ppd não deixa?

Rui disse...

Este teste tem dois tipos de cotação: perguntas que valem 4 pontos e outras que valem 6. Esta vale 4.

Inspector Ventoínha disse...

JÁ PARECE O EXAME DE INGLÊS TÉCNICO DE UM CERTO DOMINGO DE AGOSTO DE UM ANO DA GRAÇA SOCIALISTA.

Anónimo disse...

O Passos vai criar testes para a 1ª classe a perguntar quantos organismos constituem a troika.